CyberS3c dá formação ao Exército Português em Hacking

Em parceria com o Exército Português, a CyberS3c esteve no Regimento de Artilharia N.º 5 (RA5) para dar uma ação de formação em Defesa e Ataques no Ciberespaço.

 

Numa plateia com cerca de uma centena de militares, foram demonstradas várias técnicas de combate e defesa no ciberespaço bem como uma serie de ciberarmas, desta forma todos ficaram consciencializados que em 2019 a ciberguerra é uma realidade  que pode por em causa a cibersoberania, sendo um ponto estratégico e fundamental a formação de pessoal altamente qualificado em Cibersegurança.

Esta formação foi dada pelos fundadores da CyberS3c, Sérgio Silva e David Russo e incidiu na parte pratica com demonstrações ao vivo de todas as técnicas.

Acreditamos que mais que mostrar slides e teoria, é importante demonstrar como é que os ataques são feitos, quais os seus impactos e como podemos assegurar a minimização dos danos.

Passando pelo OSINT e RECON, viajamos pelos exploits de sistemas operativos e sistemas SCADA até ao uso de WI-FI para incapacitar o inimigo.

Esta formação permitiu a esta componente do  Exército Português ,RA5, capacitar os seus militares com os conhecimentos em Hacking e segurança da informação, ficando assim com elementos operacionais capazes de executar as mais avançadas técnicas de forma a proteger a ciberSoberania Portuguesa.

A CyberS3c sente-se privilegiada de poder contribuir desta forma para a defesa da nação.

2019-02-13T15:17:12+00:00Formação, Hacking, Segurança|

About the Author:

CISO | Ethical Hacker | Security Evangelist | InfoSec Researcher | Speaker | Red Team Leader “Não é preciso ter olhos abertos para ver o sol, nem é preciso ter ouvidos afiados para ouvir o trovão. Para ser vitorioso você precisa ver o que não está visível.”

Deixe o seu comentário